publicidade
Essa foi quente!

Criaram uma incrível Plataforma de Serviços para pessoas Trans

Seja para entrar no mercado de trabalho ou para evitar descriminação.

Redação - SOS Solteiros - Publicado: 21/04/2017 14:34 | Atualizado: 21/04/2017 14:34
17
Clique no "joinha" para bombar este post!
14
0
0
publicidade

O Brasil é o país que mais mata travestis e transexuais no mundo. Mesmo após a discussão sobre preconceito ter ganhado espaço na mídia, ainda estamos longe de mudarmos essa triste realidade.

Felizmente, projetos com o site Transerviços, uma plataforma que ajuda profissionais trans a entrarem no mercado de trabalho, vem mudando a vida dessas pessoas.

O site, criado pelos militantes Daniela Andrade e Paulo Bevilacqua e viabilizado pela empresa ThoughtWorks, permite aos profissionais trans autônomos divulgarem seus trabalhos online e, assim, serem contratados por pessoas e empresas livres de preconceitos.

Além da contratação, é possível encontrar estabelecimentos que atendam bem ao público trans. O site funciona no país inteiro e é totalmente gratuito.

publicidade

Vale lembrar que, para barrar os haters e pessoas mal intencionadas, a plataforma possui filtros automáticos que barram qualquer menção sexual ou preconceituosa e, em breve, contará com administradores reais para conferir os cadastros. Para fazer seu cadastro ou contratar um serviço, clique aqui.

publicidade
Reprodução | Transerviços, http://www.transervicos.com.br/Reprodução | Transerviços
Reprodução | Transerviços, http://www.transervicos.com.br/Reprodução | Transerviços

Fonte(s): Estado de Minas, Huffington Post Brasil, Vice
Imagem de capa: Agência de Notícias


Destaques do Alô, Alô? Testando!

17
Clique no "joinha" para bombar este post!
14
0
0
O seu almanaque pra vida. Através de uma linguagem jovem, descontraída e um forte apelo sexual, ajuda solteiros (e muitos casados) na grande jornada da epopéia doméstica, além das sugestões pra vida, livrando-os das mais diversas confusões e apuros que cachorro nenhum botaria defeito. Acompanhe o SOS também pelo Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.
publicidade

Tá na rede!

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade