publicidade
Essa foi quente!

ATENÇÃO: Se tem pouca carga na bateria, evite pegar UBER (é sério!)

Segundo especialista, o aplicativo poderia cobrar diferente para esses casos.

Lucas Vinicius - Publicado: 19/05/2016 15:25 | Atualizado: 19/05/2016 16:31
366
Clique no "joinha" para bombar este post!
1
0
0
publicidade

Apesar das grandes polêmicas, o Uber acabou se tornando mais um grata opção para transitar pela cidade com conforto e praticidade. Obrigado, Uber.

Mesmo sendo relativamente mais barato que o táxi, curiosamente parece que gastamos mais com esse serviço quando a bateria dos nossos smartphones está acabando.

Se você pedir um carro do Uber num momento onde a demanda está grande, o preço da corrida poderá aumentar em até 4 vezes. Essa é a chamada “Tarifa Dinâmica”, que já é de conhecimento dos usuários. Mas no desespero da bateria acabar e ficar sem ter como solicitar um carro quando os valores baixarem, muitos acabam pedindo o carro mesmo com o preço mais alto.

As informações foram reveladas pelo chefe de pesquisa econômica do Uber, Keth Chein. O site NPR explica que a companhia sabe sobre a durabilidade da sua bateria por informações do app, que utiliza o modo de economia de energia, sugerindo que isso poderia ser usado em favor deles. Porr*, Uber!

publicidade

Mas, apesar da afirmação do site, Chein afirmou que o Uber não utiliza essa informação sobre a pouca bateria para aumentar a tarifa nos “momentos certos”.

publicidade
yahoo, http://news.yahoo.comyahoo

Fonte(s): Exame, NPR


Destaques do Alô, Alô? Testando!

366
Clique no "joinha" para bombar este post!
1
0
0
Escriba digital, amante da sétima arte, ex-jogador compulsivo e meigo
publicidade

Comente!

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade