publicidade

Como funciona a cabeça das pessoas que estão sempre atrasadas

Há dois tipos de atrasados e um deles não tem culpa disso.

Gabriela Roman - Publicado: 07/03/2017 12:05 | Atualizado: 07/03/2017 12:05
614
Clique no "joinha" para bombar este post!
611
0
0
publicidade

Todo mundo tem aquele amigo que chega atrasado em todos os rolês. Se você não tem, é bem possível que o atrasado seja você.

Tim Urban, escritor e ilustrador do blog Wait But Why, decidiu explicar (e desenhar) o porquê de algumas pessoas sofrerem com atraso crônico.

– “Estou atrasado!”

Urban foi inspirado pelo texto publicado no site Elite Daily“Todas as Pessoas Otimistas Tem Uma Coisa em Comum: Elas Estão Sempre Atrasadas”. Escrito por John Haltiwanger, tal texto explica que os atrasados focam no quadro geral, em vez de detalhes, acham que conseguirão fazer mais tarefas em um certo período de tempo e “gostam de parar para cheirar as flores”.

O ilustrador discorda. Segundo Tim Urban, o atraso não se deve ao fato de parar para ver os passarinhos cantando mas, sim, por problemas mais graves.

publicidade

O atraso aceitável e o não aceitável

O atraso aceitável é aquele que não tem impacto negativo nas pessoas ou no evento em questão. Por exemplo, uma festa não vai deixar de começar porque uma pessoa chegou atrasada.

– “Você está atrasado”

O atraso inaceitável afeta as pessoas negativamente como, por exemplo, um jantar a dois ou uma situação em que a presença do atrasado seja imprescindível.

Para compreender melhor a realidade dos atrasados, é necessário dividi-los em dois grupos.

  • O Grupo 1 é aquele que não se importa de estar causando um problema para quem chegou no horário. Essas pessoas acham que são um pouco mais especiais que o resto e podem, por direito, atrasar a vida dos outros.
  • O Grupo 2 abrange as pessoas que se sentem mal por chegarem atrasadas, mas não conseguem agir de maneira diferente. Essas pessoas tem problemas sérios, são os atrasados crônicos e Tim os chama de CLIPs (Chronically Late Insane Person) – em tradução livre, “Pessoas com Atraso Crônico Severo“.

Pessoas com Atraso Crônico Severo (CLIPs)

Os atrasados crônicos são aquelas pessoas que vivem sob estresse, chegam atrasados no cinema, perdem vôos, são mal vistos no trabalho, entre outras coisas. O que nos faz pensar que eles prejudicam mais a si mesmos do que aos outros.

O escritor conta que ele vem de uma família de CLIPs; sua mãe o fazia esperar na escola enquanto todos os amigos já tinham ido embora e sua irmã já perdeu três vôos seguidos. Ele explica o que normalmente ocorre:

“Eu vou encontrar alguém, talvez um contato profissional em um café às 3:00. Quando eu fizer meu cronograma para o dia, terei o plano perfeito. Sairei cedo, chegarei cedo e estarei lá por volta das 2:45. Isso tira todo o estresse da situação e é ideal porque idas diárias sem estresse são uma das minhas coisas favoritas. Vai ser incrível – eu vou passear, colocar um podcast e ir para o metrô. Uma vez que eu tiver saído do metrô, com tempo para gastar, vou usar alguns minutos para dar uma olhada nas lojas, pegar um suco de limão de um vendedor de rua e aproveitar Nova Iorque.”

Claro, não é isso que acontece. Segundo Tim, existem três motivos principais que impedem um atrasado crônico de fazer as coisas pontualmente.

1. Estar em negação em relação ao tempo

Segundo ele, existe uma propensão dos CLIPs estimarem o tempo que uma tarefa demora para ser realizada de maneira errônea e otimista.

Por exemplo, se para arrumar uma mala basta colocar algumas coisas dentro e fechar, o CLIP pensa que tal tarefa demora cinco minutos quando, na verdade, leva uns 20 ou 30 minutos, pois exige decidir várias pequenas coisas.

2. Aversão a mudanças

Para Urban, a ideia de mudar de atividade pode ser intimidadora. Ele odeia ter que parar uma tarefa para realizar outra que já estava programada. O escritor refere-se ao problema como “resistência irracional à transição”.

3. Produtividade vs. Atraso

Tim relaciona a sua sensação referente à produtividade diária com a probabilidade de chegar atrasado. Quando acha que não produziu o suficiente, o escritor quer se manter na atividade até considerar a produção suficiente; isso causa atrasos.

Por outro lado, quando está feliz com o trabalho realizado, ele se sente um adulto responsável e suas chances de atraso diminuem.

“Não desculpem os CLIPs na sua vida – não é okay e eles precisam resolver – mas, lembre-se, não é sobre você. Eles têm problemas.”, diz o escritor.

– “Uma rainha nunca está atrasada. Todo o resto está simplesmente adiantado.”

Não entendeu? Ele desenhou!

Para conseguir ilustrar essa situação (literalmente) e mostrar às pessoas pontuais como funciona a cabecinha daqueles que sempre se atrasam, Tim Urban usou do bom humor e criou duas tirinhas hilárias e extremamente didáticas.

Tirinha 1.

Wait But Why, http://waitbutwhy.com/2013/10/why-procrastinators-procrastinate.htmlWait But Why
Wait But Why, http://waitbutwhy.com/2013/10/why-procrastinators-procrastinate.htmlWait But Why
Wait But Why, http://waitbutwhy.com/2013/10/why-procrastinators-procrastinate.htmlWait But Why
Wait But Why, http://waitbutwhy.com/2013/10/why-procrastinators-procrastinate.htmlWait But Why
Wait But Why, http://waitbutwhy.com/2013/10/why-procrastinators-procrastinate.htmlWait But Why
Wait But Why, http://waitbutwhy.com/2013/10/why-procrastinators-procrastinate.htmlWait But Why

Tirinha 2.

Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why
Wait but Why, http://waitbutwhy.com/2015/07/why-im-always-late.htmlWait but Why

Fonte(s): Wait but Why, Upworthy, Elite Daily, Wait but Why
Imagem de capa: Huffpost Brasil


Destaques do Alô, Alô? Testando!

614
Clique no "joinha" para bombar este post!
611
0
0
Roteirista, viajante profissional e amante da internet e das zueiras que vêm com ela.
publicidade

Tá na rede!

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade