publicidade

“Black Mirror”: 9 Motivos para fazer uma maratona HOJE

A série disponível (e meio ignorada) no Netflix é uma sugestão do Stephen King.

Sofia Frost - Publicado: 29/07/2016 15:35 | Atualizado: 29/07/2016 16:51
996
Clique no "joinha" para bombar este post!
4
0
0
publicidade

Você já imaginou como será o futuro, levando em conta a velocidade com que tantas tecnologias vem sendo criadas? Apesar do lado positivo, a sociedade pode estar trilhando caminhos assustadores.

A série Black Mirror, disponível na Netflix, levanta exatamente esse tipo de reflexão. Já exibida pela televisão britânica, a produção vem chamando atenção de críticos, artistas e claro, dos espectadores de todo mundo devido ao seu conteúdo crítico à sociedade, sobre a maneira como lidamos com o excesso de tecnologia.

jsOe2qZ

Como parece não ter sido notada por quase ninguém na plataforma de vídeos, mesmo sendo aquele tipo de série que passa dias na nossa cabeça, resolvemos apresentar alguns belos motivos pra se jogar no sofá e se entregar numa maratona.

publicidade

***

1. Ela não é como as outras

Em vez de contar uma história contínua ao longo dos episódios, cada capítulo traz uma história única, que se inicia e encerra nos seus cerca de 40 a 50 minutos. Pois é, em cada episódio são novos personagens e um novo enredo que trazem as emoções à flor da pele.

publicidade

Sim, todos os episódios são muito intensos, pode acreditar.

black-mirror-episode-5-channel4

 

2. Por que “Black Mirror”?

Não quero dar spoilers, mas o nome traz uma dica: “Black Mirror” significa “espelho negro”. Olhe para a tela bloqueada do seu celular e é exatamente o que verá.

O criador, produtor e roteirista da série, Charlie Brooker, afirma que o reflexo de nós mesmos que vemos ao olhar para as telas apagadas de celulares, computadores, tablets e quaisquer dispositivos é a razão para este nome. É isso aí: você com certeza vai se identificar em algum nível com as tramas.

 

3. A tecnologia no nosso dia-a-dia

Essa série com certeza te fará refletir sobre a tecnologia ao seu redor e como você e todos nós lidamos com ela.

Será que ela nos transforma mais do que imaginamos? Será que pode afetar nossa capacidade de empatia e compaixão? Ou mesmo proporcionar uma mudança estrutural no funcionamento de nossa sociedade? Se prepare para, pelo menos, chegar próximo das respostas à essas perguntas.

 

4. Ficção científica, nem tão ficção assim

Os episódios trazem cenários interessantes – e possíveis – para um futuro não muito distante. Tanto em relação às incríveis invenções tecnológicas quanto no que diz respeito à organização em sociedade e o governo, por exemplo.

De ficar pedalando bicicletas atrás de telas de TV para ganhar “pontos”, a um boneco virtual 3D que se candidata à presidência, você vai ficar se perguntando se essas coisas vão rolar daqui a pouco. E o assustador é que vai ter quase certeza que sim.

 

5. Tem gente conhecida no elenco

A atriz Tuppence Middleton (a Riley de Sense 8), aparece morena em um dos episódios. E o elenco incrível não para por aí: Domhnall Gleeson (o Gui Weasley, de Harry Potter) e Jessica Brown Findlay (de Downton Abbey), também estão entre os nomes.

Além disso, todos os atores têm uma atuação esplêndida. Não vai ter como não se envolver com cada uma das histórias contadas por eles.

 

6. É “eita” atrás de “eita”

Sobre isso, não dá pra dizer muito sem dar spoilers. Podemos contar isso: o primeiro episódio com certeza já vai te deixar no chão, e os outros… também.

É bafão pra sair distribuindo, tapa na cara pra todo lado (mas dá pra aguentar), e você vai precisar dar uma descansada, parar pra respirar e tomar uma água depois de cada episódio. E, quando se recuperar e for assistir o próximo, só de ler o título já vai pensar algo como: “ah não, esse aí vai ser tenso, só pode!”

 

7. Dá pra ver tudo rapidinho

Se você nunca assistiu pois tem outras prioridades de série na sua agenda, relaxa. Black Mirror não vai te prender por muito tempo.

São duas temporadas com 3 episódios cada, e um episódio especial de natal. Sim, só isso! Dá pra assistir tudo em um dia só, se você aguentar tantos baques assim de uma vez. Mas indico ver apenas um por dia, assim dá para refletir melhor, é muita informação para ser digerida.

 

8. Stephen King, o mestre do Horror, adorou!

reproduçãoreprodução

– Stephen: Amei BLACK MIRROR. Aterrorizante, engraçado, inteligente. É como “The Twilight Zone” [série antiga], só que para maiores de 17. |Brooker (para Stephen): Obrigado. Sou um grande fã; encantado que esteja gostando | Stephen (respondendo a Brooker): Espero que haja mais. Não há nada igual.

Stephen King é o autor de grandes clássicos do terror como O Iluminado e Carrie, a Estranha, ou seja, o cara sabe muito bem quando uma coisa é boa ou não. Ou pelo menos, quando ela é assustadoramente chocante!

Outro artista que também se rendeu ao maravilhoso enredo da série foi ator que deu vida ao “Homem de Ferro”, Robert Downey Jr. Em 2013 escolheu adaptar o roteiro de um dos episódios para um possível longa metragem a ser produzido pela sua própria produtora.

 

9. A terceira temporada chega este ano!

Para noooossa alegriiaaa, a terceira temporada chegará este ano diretamente no Netflix (diferente das outras duas, que foram ao ar primeiramente no Canal 4, britânico). Estão confirmados 12 novos episódios, com total controle criativo à equipe.

Haja preparo psicológico!

My English School, http://www.myenglishschool.it/magazine/2015/09/03/black-mirror-il-divertente-stravagante-tragico-prossimo-futuro/My English School

Se mesmo assim, você não ficou tentado a assistir a série, lembre-se: quando os iPhones dominarem o mundo, estaremos aqui, de braços abertos para dizer: ” Viu só, nós avisamos!”



Destaques do Alô, Alô? Testando!

996
Clique no "joinha" para bombar este post!
4
0
0
Universitária, estagiária e moradora do próprio canto. Mestre no samba de se virar nessa vida louca. Ocupadíssima que não dispensa um bom rolê e uns bons drink, e arranja tempo pra rir de menes e lutar pela paz no mundo.
publicidade

Comente!

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade