publicidade

3 Mitos sobre a perda de peso que você precisa esquecer se quiser emagrecer

Especialista ainda indica qual é a melhor dieta para o seu organismo.

Rui Davi - Publicado: 07/12/2016 13:11 | Atualizado: 07/12/2016 13:15
101
Clique no "joinha" para bombar este post!
98
0
0
publicidade

Você provavelmente já ouviu diversas receitas milagrosas para emagrecer, desde ficar sem comer certas coisas até ter uma ajudinha da lua.

Para dar um basta em alguns mitos do emagrecimento, vamos compartilhar em português uma lista gringa, do site Motto, desenvolvida pelo doutor em medicina funcional e nutrição holística Ali Shapiroque acaba com as lendas e te coloca no caminho certo do emagrecimento. Se liga!

***

1. “Você precisa contar calorias para perder peso

Os métodos de emagrecimento disponíveis no mercado geralmente são baseados em sistemas de ganho e perda de calorias. Isso é apenas uma simplificação de como a perda de peso funciona, revela o texto.

Como publicamos recentemente, um estudo apontou que a maioria desses programas de emagrecimento não funcionam por mais de 6 meses. E ainda mais, nos dois únicos que tiveram resultado comprovado após esse tempo, Vigilantes do Peso e Jenny Craig, os praticantes perderam apenas de 3 a 5 % a mais de peso do que nos outros métodos, tidos como não eficazes.

publicidade

Segundo Dr. Shapiro, ao invés de ficar contando as calorias de cada alimento que você come, seria melhor equilibrar sua fisiologia. A perda de peso muitas vezes pode ser obtida ao ingerir alimentos que amenizem sintomas do dia a dia, como fadiga, refluxo ácido e TPM.

Quando esses sintomas aparecerem você deve ingerir alimentos ricos em nutrientes. Eles mantêm sua fome sob controle e te dão a saciedade que precisa, pois você não está realmente com fome, aconselha o especialista.

Fitchef, http://www.fitchef.co.za/why-is-counting-calories-a-waste-of-time/Fitchef

 

2. “Perda de peso tem a ver apenas com o quanto você come e se exercita” 

Apesar do que comumente se pensa, emagrecer não é só queimar mais calorias do que se ingere. Outros fatores, como estresse, falta de sono e exposição à toxinas ambientais, podem alterar a forma como seu corpo absorve as calorias, revela Dr. Shapiro.

Isso pode ser constatado por meio de um estudo publicado no site Pubmed, no qual foi revelado que as pessoas hoje são 10% mais pesadas do que aquelas que comeram e se exercitaram na mesma quantidade na década de 1980.

O especialista sugere que, ao invés de tentar desesperadamente barrar a entrada de calorias, você pode pensar em o que adicionar na sua vida para equilibrar seus hormônios e você mesmo. Com os hormônios balanceados seu corpo irá maximizar esforços para perder peso.

Além disso, dormir bem, beber mais água e priorizar o autocuidado são medidas que podem ajudar muito na busca pelo emagrecimento, garante o especialista.

Fitday, http://www.fitday.com/fitness-articles/fitness/is-it-better-to-eat-before-or-after-a-workout.htmlFitday

 

3. “Uma dieta Paleolítica vai funcionar para você porque ela funcionou para seu amigo ou para uma celebridade

Mesmo admitindo que os alimentos agem de formas distintas em diferentes corpos, muitas pessoas pensam que seguir uma dieta restritiva, que gerou resultados positivos para outras pessoas, como um plano de alimentação Paleolítica ou vegana, por exemplo, podem ser a saída para afinar a cinturinha.

No entanto, um estudo publicado no site Cell mostrou que os mesmos alimentos aumentam os níveis de açúcar no sangue de pessoas diferentes, em taxas distintas. Ou seja, os alimentos podem ser bons ou ruins. Depende de quem os come.

O especialista explica que é possível aprender muito mais como seu corpo reage às dietas entendendo o funcionamento do açúcar no seu sangue.

Marie Claire, http://www.marieclaire.com/health-fitness/news/g1208/celebrity-diet-fitness-trends/Marie Claire

Descubra se uma dieta é compatível ao seu organismo

Você pode descobrir como a sua taxa base de açúcar responde à determinadas dietas de uma forma rápida e fácil. Coma um prato Vegetariano, um Mediterrâneo e um Paleolítico a cada dia. Veja após cada refeição como seu corpo reage no resto da tarde.

O que você come em uma refeição estabelece o nível de açúcar no sangue nas próximas 3 a 5 horas. Então, se durante esse período ainda sentir fome, ficar agitado ou achar que precisa de um lanche, você pode excluir esse tipo de dieta.

Mas, se após comer, se sentir cheio, saciado e focado, já saberá que esse tipo de alimentação funciona. Há diversas variações dentro dessas três dietas, mas esse teste irá lhe dar um bom ponto de partida.

Ainda segundo o especialista, o importante acima de tudo é manter uma alimentação saudável, fazer exercícios físicos e não entrar em certas dietas absurdas. Na dúvida, o melhor é consultar um nutricionista.

Fonte(s): Motto


Destaques do Alô, Alô? Testando!

101
Clique no "joinha" para bombar este post!
98
0
0
Comunicador baiano que toca guitarra e ainda espera ser um astro do Rock. Enquanto isso, se contenta em escrever. Fã de boas histórias. Faz roteiros, fotografa, edita videos, canta e sapateia.
publicidade

Tá na rede!

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade