publicidade

27 Regrinhas para dar um banho de Etiqueta Social

No trabalho, na faculdade ou na festinha. Ter bons modos pode ser essencial.

Raphael Domingos - Publicado: 02/02/2017 15:17 | Atualizado: 03/02/2017 12:29
1.316
Clique no "joinha" para bombar este post!
1
0
0
publicidade

Por estarmos imersos em uma cultura que respira velocidade e cultiva a falta de tempo, acabamos nos tornando incrivelmente insensíveis.

Distribuir coices colossais nos amiguinhos e nem se dar conta disso não é nada legal. O site colaborativo 9Gag reuniu 27 regrinhas para te ajudar a ter a postura de um cavalheiro.

Essas dicas vieram do livro The Gentlemen’s Book of Etiquette, “O Guia de Etiqueta para Cavalheiros“. Você pode checar o material completo (em inglês) aqui.  Saca só:

***

1. Seu relógio não é importante

O mais alto nível de falta de civilidade acontece quando alguém fica dando mais atenção ao próprio relógio, smartphone ou notebook do que para a outra pessoa conversando.

publicidade

Por mais que a conversa alcance o nível “pé no saco”, mantenha sua atenção no sujeito que está falando.

 

2. Não atrapalhe os outros

Nunca interrompa! Dizer “seja mais objetivo” ou “vá direto ao ponto” pode ser indelicado.

Mas é muito pior quando você termina a frase que a pessoa estava para concluir ou acelera o coitado para que ele mesmo termine o discurso abruptamente, como se ele tivesse freios ABS. Jamais corte os outros.

StockSnap, https://stocksnap.io/photo/M6JX81B5MUStockSnap

 

3. Mantenha a postura, jovem

Não aumente o tom de voz ou seja simplesmente boçal para afirmar seu ponto de vista. Ao invés disso, é recomendável exercitar a gentileza e a modéstia, deixando de lado os hábitos ditatoriais.

Gritar para ser ouvido é algo tolerável apenas em bebês. Sacou?

Unsplash, https://unsplash.com/photos/ASKeuOZqhYUUnsplash

 

4. Não fique falando de seus feitos

A menos que alguém te pergunte, não fique falando sobre o seu trabalho ou seus feitos na firma. Tente não ser o centro das atenções.

Unsplash, https://unsplash.com/photos/BcjdbyKWquwUnsplash

 

5. Mais cortesia, por favor

Um cavalheiro sensato geralmente é discreto. Mesmo que ele se sinta superior a qualquer coleguinha, em momento algum ele irá mostrar sua superioridade.

Ele também não iniciará uma conversa sobre algum assunto que as pessoas ao seu redor não estão familiarizadas. Tudo o que é dito por um cavalheiro é recheado de cortesia e respeito às opiniões e sentimentos alheios.

 

6. Ouça com mais frequência

Ser um excelente ouvinte não é menos importante do que ser um “falador” incrível.

A habilidade de saber ouvir é própria de homens que tiveram uma doutrina baseada em bons modos. Essa virtude te transforma numa ótima companhia para um bate-papo.

Unsplash, https://unsplash.com/photos/-fQ5XNOcqFQUnsplash

 

7. Xereta não, hein?!

De maneira alguma ouça uma conversa que não precisa de plateia. Se você estiver em algum lugar onde é inevitável ouvir o papo dos outros, educadamente mude sua posição.

Wisegeek, http://www.wisegeek.org/what-is-selective-hearing.htm

 

8. Pare de enrolar

Dentro das possibilidades, seja breve e vá direto ao ponto. Assim, você evita enormes distrações e comentários dispensáveis.

"Isso é tudo pessoal"
"Isso é tudo pessoal"

– “Isso é tudo pessoal”

 

9. Não valorize os “puxa-sacos”

Se você aceita bajulação está disposto a aceitar também a própria estupidez e auto-presunção.

 

10. Não perca a linha

Mesmo sabendo que a outra pessoa está errada, mantenha a conversa num tom passivo e evite partir para o lado pessoal.

Perceber que seu “oponente” está na defensiva, protegendo sua opinião com unhas e dentes, é um sinal claro para mudar de assunto. Isso previne que você fique frustrado e irritado, além de salvar a outra pessoa de uma situação embaraçosa.

Burban High 1968, https://burbankhigh1968.net/2012/03/29/you-havent-changed-a-bit/Burban High 1968

 

11. Não brigue por política

É muito benéfico ter fortes crenças políticas. Porém, não fique argumentando como um lutador que deseja dar um nocaute mortal.

Ao invés disso, ouça cautelosamente aqueles que detém uma posição bem diferente da sua e controle seu termômetro temperamental; não deixe o outro pensar que você não manja de política, mas não lhe dê razão para questionar o seu cavalheirismo.

27_regras_sossolteiros_11

 

12. Não seja um panaca

Não compare seus amiguinhos uns com os outros – é desagradável demais.

Procure sempre falar sobre as qualidades deles e jamais tente fazer um brother ser valorizado enquanto, ao mesmo tempo, você ridiculariza as particularidades do outro.

 

13. Não fale das pessoas sem elas

Mantenha fora de cogitação abordar assuntos sobre as pessoas quando essas não estão participando da discussão.

The Huffington Post, http://www.huffpostbrasil.com/entry/one-minute-rule-better-conversation_us_55c24697e4b0f7f0bebb41fdThe Huffington Post

 

14. Fale menos, por obséquio

Até mesmo a companhia de um homem admirável pode se tornar um martírio se ele sempre quiser toda a atenção para si.

 

15. Não seja viciado em aspas

Evite usar frases e citações. Muitas vezes o seu uso soa como um acréscimo desnecessário à conversa, mas quando isso se transforma em hábito, a experiência de conversar com você vira algo muito tedioso.

 

16. Pare com manias insignificantes

Contenha seu lado meticuloso e muito detalhista. Isso não é sinal de inteligência e sim de estupidez.

Mercado Municipal de Curitiba, http://mercadomunicipaldecuritiba.com.br/toc-ou-mania-entenda-a-diferenca/Mercado Municipal de Curitiba

 

17. Saiba falar direito, mas não dê uma de professor

Fale corretamente. Contudo, não precisa arrotar frases muito formais e excessivamente corretas, que estejam de acordo com todas as normas gramaticais (isso também é chato).

Fatos Desconhecidos, http://www.fatosdesconhecidos.com.br/relembre-10-programas-que-passavam-na-sua-infancia-e-que-quase-te-mataram-de-medo/Fatos Desconhecidos

 

18. Não aponte os erros alheios

Nunca faça apontamentos verbais sobre os erros das outras pessoas. A atitude de apontar erros alheios, seja por palavras ou olhares, evidencia enorme grosseria.

Akbean, http://www.akbean.org/anger-managementAkbean

 

19. Não fale “grego”

Se você utiliza muitas palavras técnicas no trabalho, evite usá-las fora desse ambiente. Esse comportamento é de muito mau gosto, já que boa parte das pessoas não irão te entender.

Entretanto, se algum termo escapar por acidente, não explique o significado. Ninguém vai te agradecer por você apontar a ignorância dos outros.

– Você entende as palavras que estão saindo da minha boca?

 

20. Evite ser o Bozo do rolê

Não faça o papel de palhaço. Caso insista, logo você receberá o título de “engraçadão”.

Esse papel não é digno de um cavalheiro. Tenha certeza de que as outras pessoas estão rindo com você e não de você.

Caribbean Business, http://caribbeanbusiness.com/editorial-the-fear-of-clowns-in-promesa/Caribbean Business

 

21. Não queira parecer fodão

É de tremendo mau gosto ficar tagarelando sobre seu dinheiro, seus contatos e outros recursos.

Se orgulhar por ter contatos de grande importância não o torna menos escroto. Falar sem parar que o CEO da empresa X é seu brother ou que o dono da cervejaria Y te considera como irmão é uma demonstração abominável e pomposa.

 

22. Divirta-se

Não tente criar uma imagem excessivamente sofisticada de si mesmo, sendo ousado a ponto de negligenciar boas conversas, piadas ou até mesmo momentos prazerosos.

Aja de acordo com as regras da sociedade na qual está inserido, se elas não contrariarem as regras do cavalheirismo, é claro.

The Fashionisto, http://www.thefashionisto.com/david-gant-james-cooper-by-blair-getz-mezibov-for-schon/?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+thefashionisto+(thefashionisto.com)&utm_content=Google+ReaderThe Fashionisto

 

23. Não seja viciado em aspas II

É rude, estúpido e ridículo usar frequentemente citações, frases e expressões quando se está falando um idioma estrangeiro.

27_regras_sossolteiros_23

 

24.  Pense antes de falar

Se percebeu que está começando a ficar irritado no meio de um bate-papo, seja firme em conter sua fúria. Se você se descontrolar pode acabar dando ênfase a palavras que costumeiramente não usaria em uma situação diferente.

E ainda existe a chance de você se arrepender profundamente pelas palavras ditas.

Hollyhock Life, http://hollyhocklife.org/steps-dispelling-anger/Hollyhock Life

 

25. Scanners não são vistos com bons olhos

Não queira discutir sobre algo extremamente pessoal e fique longe de assuntos familiares; não deseje enxergar todos os “pecados” da outra pessoa – como se estivesse escaneando-a.

Agora, se você foi incumbido de guardar um segredo, guarde como se fosse sagrado e não conte para os outros.

Photobucket, http://s691.photobucket.com/user/Rotbart_ii/media/Homersx-ray.jpg.htmlPhotobucket

 

26. A história da viagem pra Europa, outra vez?

Por mais que as viagens tenham o poder de renovar nossas mentes e desconstruir barreiras, você não deve ficar falando “quando eu estava em Paris” ou “ninguém usa isso na Itália” – é um pé no saco.

 

27. Ser fofoqueiro é um crime hediondo

Fuja das fofocas. Aderir a esse costume é algo absolutamente desprezível.

Amy Castro, http://www.amy-castro.com/6-easy-ways-avoid-gossip-work/Amy Castro

Fonte(s): 9gag, LimpidSoft


Destaques do Alô, Alô? Testando!

1.316
Clique no "joinha" para bombar este post!
1
0
0
Acredita que o processo de autoconhecimento é o melhor trampolim para encontrar propósito de vida, o que gera significado para toda uma existência, incluindo o aperfeiçoamento de performance profissional. Também crê no poder do colaborativismo e no sistema de conhecimento compartilhado.
publicidade

Comente!

publicidade
publicidade
publicidade